sexta-feira, 5 de setembro de 2014

POEMA NOVO/Tocata e Fuga

Quisera escrever um poema perfeito
Com versos alexandrinos
Ritmo de soneto
Sublime

Soneto livre
Com poesia
Capaz de me eriçar os pelos
Toda vez que o lesse

Seria meu templo
O poema
Que profano

Quisera escrever este soneto
No corpo
Da mulher que eu amo

LIVRO EM PREPARAÇÃO

Nenhum comentário:

Postar um comentário